2012/01/19

Círculo em milharal foi fenômeno climático, diz engenheiro agrônomo

Clareira em plantação assustou família em sítio. Rajada de vento é a hipótese mais provável. O círculo que apareceu no milharal de um sítio, na zona rural de Itanhandu, no Sul de Minas, foi resultado de um fenômeno climático, segundo o engenheiro agrônomo Edson Gualberto Fonseca. Conforme o engenheiro, uma rajada de vento deixou os pés de milhos abaixados no local. "Eu vejo que possa ser um fenômeno climático, alguma rajada de vento que possa ter passado e causado isso, como um redemoinho, alguma coisa nesse sentido", disse o agrônomo. Ainda segundo o profissional, o fato de alguns pés na lateral do campo não terem saído do lugar aconteceu devido à boa fixação da plantação no solo. "O terreno é bem fértil e isso ajuda o milho a crescer bastante. O plantio mais raso pode ter contribuído para ele ficar preso ao solo", conclui Fonseca. O caso veio à tona depois que o internauta Alan Henrique Ribeiro, que mora no sítio, enviou fotos e imagens do círculo para o Portal EPTV.com. O fato aconteceu na manhã de domingo e deixou a família que mora no local assustada. Crop Circles O fenômeno, também conhecido por "Crop Circles", ou simplesmente círculos nas plantações, é motivo de polêmica e discussão em todo o mundo. Ele já foi observado em vários países em todo o mundo, começando pela Inglaterra na década de 1970. Desde então, foram sugeridas várias explicações que envolvem desde acontecimentos naturais a visitas de extra-terrestres. As mandalas, com figuras geométricas, já surgiram inexplicavelmente em vários regiões. Muitas vezes são desenhos complexos e de grande simbolismo místico.Fonte:EPTV.COM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM VINDO

Prezado amigo(a), para nós é uma satisfação a sua visita em nosso blog. Este blog é uma amostra das matérias que circula no Jornal Sul Mineiro. Nas coberturas do Sul Mineiro sempre daremos uma nota aqui. O Jornal Sul Mineiro, Turismo, Negócios e Informações, está na região desde de 2002, ou seja, 10 anos, fazendo um trabalho transparente, honesto e com credibilidade. Tive ao meu lado a minha filha Juliana que foi minha Secretária no início que me ajudou muito. Hoje conto com o apoio enorme da minha esposa Rosy que é Secretária Executiva. O jornal nestes 10 anos sobreviveu graças o apoio das Prefeituras, Câmaras Municipais e Comerciantes, pois o Sul Mineiro é distribuído gratuitamente aos leitores. Sempre procuramos oferecer nossos serviços com transparência e honestidade. Por isso agradecemos sua visita e pedimos que sempre dê uma olhadinha em nosso blog para conferir as novidades.

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
BAEPENDI, sudeste/Minas Gerais, Brazil
LOJA DE NOIVA COMPLETA
Ocorreu um erro neste gadget