2013/08/14

Encontro Técnico de Piscicultura discute nesta quarta-feira, em Alfenas, a atividade nos



A piscicultura será tema de mais uma discussão, a ser realizada nesta quarta-feira, em Alfenas, às 19h, na biblioteca do Campus Universitário da Unifenas, na Rodovia MG 179 Km Zero. A iniciativa é parte da programação do Encontro Técnico de Piscicultura, iniciado na última segunda-feira, em Capitólio, um dos 34 municipios banhados pela represa de Furnas.


O evento debate as ações do projeto Ordenamento da Implantação e do Desenvolvimento da Piscicultura Intensiva nos Reservatórios de Três Marias, Furnas e Nova Ponte. O projeto, da Epamig e Embrapa/Meio Ambiente, tem a parceria da Fapemig e da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG). A empresa pública de extensão rural colabora com o projeto, mobilizando e identificado os piscicultores da região, segundo o coordenador técnico regional da Emater-MG de Passos, Frederico Ozanam.

O objetivo do projeto é estabelecer o ordenamento e fomento à implantação da piscicultura nestes reservatórios, por meio da colocação de sondas em pontos estratégicos destes locais para medir o impacto ambiental desta atividade. “As sondas serão para medir os parâmetors físicos e químicos da água”, explica o coordenador técnico Ozanam.

Conforme levantamentos técnicos, a piscicultura pode ser uma das impulsionadoras do desenvolvimento social e econômico destes municípios, localizados próximos à usinas hidrelétricas, pois possibilita o aproveitamento efetivo desses reservatórios e da mão de obra ribeirinha.

De acordo com a técnica da Epamig, Elizabeth Lomelino, a criação de peixes em tanques-redes vem aumentando na região para atender à demanda do mercado interno e externo. Ela avalia que esta tecnologia pode conciliar o uso sustentável do meio ambiente com alta produtividade.

Para Lomelino, a implantação dos tanques exige um estudo minucioso das condições do local, principalmente, em ambientes naturais, em função da dificuldade em controlar a qualidade de água nesses ambientes. “Assim, é possível determinar a capacidade máxima produtiva sem que ocorra prejuízo nas condições ambientais, na produtividade e viabilidade econômica do sistema implantado”, argumenta.

Ainda conforme Elizabeth Lomelino, nos reservatórios de Minas, os empreendimentos de tanques rede estão expandindo bastante, já que a totalidade dos piscicultores vem trabalhando com tilápia. “Esse desenvolvimento é, em boa parte, devido a incentivos do governo do Estado, apoiando o desenvolvimento de pesquisas, visando à utilização da água para atividades aquícolas, com a implantação dos parques aquícolas (áreas demarcadas para possibilidar locais melhores para o cultivo de peixes)”, explica.

Assessoria de Comunicação da Emater-MG – Ascom
Unidade Regional de Alfenas
tel: (35) 3292-1170

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM VINDO

Prezado amigo(a), para nós é uma satisfação a sua visita em nosso blog. Este blog é uma amostra das matérias que circula no Jornal Sul Mineiro. Nas coberturas do Sul Mineiro sempre daremos uma nota aqui. O Jornal Sul Mineiro, Turismo, Negócios e Informações, está na região desde de 2002, ou seja, 10 anos, fazendo um trabalho transparente, honesto e com credibilidade. Tive ao meu lado a minha filha Juliana que foi minha Secretária no início que me ajudou muito. Hoje conto com o apoio enorme da minha esposa Rosy que é Secretária Executiva. O jornal nestes 10 anos sobreviveu graças o apoio das Prefeituras, Câmaras Municipais e Comerciantes, pois o Sul Mineiro é distribuído gratuitamente aos leitores. Sempre procuramos oferecer nossos serviços com transparência e honestidade. Por isso agradecemos sua visita e pedimos que sempre dê uma olhadinha em nosso blog para conferir as novidades.

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
BAEPENDI, sudeste/Minas Gerais, Brazil
LOJA DE NOIVA COMPLETA
Ocorreu um erro neste gadget