2012/12/17

Azeite de Maria da Fé pode ser 1º do país a receber certificação de origem.

O azeite produzido em Maria da Fé (MG) pode ser o primeiro no Brasil a receber certificação de origem. Representantes do Ministério da Agricultura fazem uma visita técnica à fazenda experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), localizada na cidade. O selo vai agregar valor ao produto e garantir que o azeite produzido em Maria da Fé é de qualidade. “Viemos conhecer os produtores, as áreas plantadas e a metodologia usada por eles. O objetivo da identificação geográfica é exatamente estabelecer uma relação de confiança e atestar que aquele produto vem mesmo daquela região”, explica o auditor federal Nelson Guedes. Na Serra da Mantiqueira, dos mil hectares plantados com oliveiras, 80% estão localizados no Sul de Minas. O clima da região é favorável para o cultivo de azeitonas. O azeite produzido em Maria da Fé já é o primeiro azeite extra-virgem originalmente brasileiro produzido em escala comercial. “Começamos a fazer pesquisas e vimos que o azeite produzido aqui é muito peculiar e possui características muito específicas e diferentes dos outros azeites vendidos no mercado”, afirma o coordenador do Núcleo de Inovação Tecnológica da Emater, Marcelo Alves. A visita técnica à fazenda experimental da Epamig termina no próximo sábado (15). O azeite produzido em Maria da Fé é vendido, atualmente, por R$ 170 o litro. Fonte:G1 Sul de Minas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM VINDO

Prezado amigo(a), para nós é uma satisfação a sua visita em nosso blog. Este blog é uma amostra das matérias que circula no Jornal Sul Mineiro. Nas coberturas do Sul Mineiro sempre daremos uma nota aqui. O Jornal Sul Mineiro, Turismo, Negócios e Informações, está na região desde de 2002, ou seja, 10 anos, fazendo um trabalho transparente, honesto e com credibilidade. Tive ao meu lado a minha filha Juliana que foi minha Secretária no início que me ajudou muito. Hoje conto com o apoio enorme da minha esposa Rosy que é Secretária Executiva. O jornal nestes 10 anos sobreviveu graças o apoio das Prefeituras, Câmaras Municipais e Comerciantes, pois o Sul Mineiro é distribuído gratuitamente aos leitores. Sempre procuramos oferecer nossos serviços com transparência e honestidade. Por isso agradecemos sua visita e pedimos que sempre dê uma olhadinha em nosso blog para conferir as novidades.

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
BAEPENDI, sudeste/Minas Gerais, Brazil
LOJA DE NOIVA COMPLETA

National Geographic POD