2013/12/07

Atuação de Advogado Caxambuense é destaque no mais longo Júri da cidade de Varginha



Terminou no início da madrugada desta quinta-feira, dia 05/12, a mais longa sessão de julgamento pelo Tribunal do Júri realizada na cidade de Varginha/MG.

Foram levados a julgamento os assassinos de Adryellen, morta estupidamente em um cafezal que liga o bairro Corcete à Vila Paiva, ocorrido em 11 de setembro de 2011, e que chocou o sul de Minas, pois se tratava de uma adolescente de 17 anos e ainda grávida.

A vítima teve seus pulsos amarrados e foi estrangulada com o cadarço de seu tênis.

Os advogados da acusação, Carlos Rafael Ferreira e Philipe Salvador Loredo, ambos do escritório Loredo Ferreira Advogados, que atuaram ao lado do Dr. César Antônio de Lima, Promotor de Justiça, demonstraram de forma clara e eficiente que as provas dos autos eram suficientes para a condenação dos acusados Márcio e Camila, o que se comprovou conforme a decisão dos jurados, que das 28 perguntas que lhe foram dirigidas, decidiram em todas conforme apontava a acusação, reconhecidos os crimes de homicídio triplamente qualificado, o aborto provocado em terceiro e a ocultação de cadáver, sendo aplicadas as penas de 22 anos e 6 meses e 19 anos e 3 meses respectivamente.

O resultado obtido é fruto de um brilhante trabalho de investigação da polícia civil de Varginha, coordenado pela Delegada Doutora Ângela, um efetivo trabalho do Ministério Público Mineiro, realizado pelo Doutor César Antônio de Lima e dos advogados de acusação Carlos Rafael Ferreira e Philipe Salvador Loredo.

Ocorreu o desmembramento, separação, do julgamento e em fevereiro ocorrerá a sessão de julgamento do terceiro acusado Sionei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA BEM VINDO

Prezado amigo(a), para nós é uma satisfação a sua visita em nosso blog. Este blog é uma amostra das matérias que circula no Jornal Sul Mineiro. Nas coberturas do Sul Mineiro sempre daremos uma nota aqui. O Jornal Sul Mineiro, Turismo, Negócios e Informações, está na região desde de 2002, ou seja, 10 anos, fazendo um trabalho transparente, honesto e com credibilidade. Tive ao meu lado a minha filha Juliana que foi minha Secretária no início que me ajudou muito. Hoje conto com o apoio enorme da minha esposa Rosy que é Secretária Executiva. O jornal nestes 10 anos sobreviveu graças o apoio das Prefeituras, Câmaras Municipais e Comerciantes, pois o Sul Mineiro é distribuído gratuitamente aos leitores. Sempre procuramos oferecer nossos serviços com transparência e honestidade. Por isso agradecemos sua visita e pedimos que sempre dê uma olhadinha em nosso blog para conferir as novidades.

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
BAEPENDI, sudeste/Minas Gerais, Brazil
LOJA DE NOIVA COMPLETA

National Geographic POD